Notícias

PALESTRA COM O DIRETOR DE SEGURANÇA DO TRT DO CEARÁ ENCERRA AS ATIVIDADES DA AGEPOLJUS EM FORTALEZA

Sexta-feira, 22 de novembro de 2019.

Palestra com o diretor de segurança do TRT da 7ª Região (CE), Klayton Coelho de Souza, encerrou os debates da AGEPOLJUS, nesta sexta-feira (22), em Fortaleza (CE). Com o tema “TRT7 – A Segurança Institucional Ontem e Hoje”, o diretor iniciou com um breve histórico das resoluções determinadas pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e demais órgãos superiores que tratam da atividade e autorizam a compra de equipamentos para os setores de segurança nos Regionais.
 
Ao longo da explanação, Klayton demonstrou a utilização dos detectores de metal e câmeras de visualização externa instalados pelo Tribunal do Ceará para a checagem das ações que podem colocar em risco magistrados, servidores e jurisdicionados.
 
Os treinamentos oferecidos aos Agentes de Segurança da 7ª Região também foram exibidos aos participantes do 7º Encontro de Gestores da Associação. Quanto à instrutoria própria, Souza informou que o Tribunal está implementando a medida com a participação de outros órgãos nas qualificações.
 
Diagnóstico da Segurança Institucional do Poder Judiciário emitido em 2018, ano-base 2017, pelo CSJT classificou o Regional do Ceará como 4º colocado nas medidas implementadas no setor. “Nós ainda temos muito a implementar”, ressaltou.
 
O diretor de segurança lembrou que os tribunais estão com os orçamentos congelados pela Emenda Constitucional nº 95, o que tem impedido grandes investimentos pelo Judiciário Federal.
 
Entretanto, a diretoria da 7ª Região possui projetos para o reforço da área da segurança nos fóruns e Varas na Região Metropolitana de Fortaleza e no interior do estado, dentre elas, a instituição da Polícia Judicial, porte de arma, entre outros. Um acordo de Cooperação Técnica entre o TRT e o Poder Judiciário estadual está em andamento para disponibilizar o uso do Sistema Integrado de Monitoramento do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará – SINTJ, com todas as funcionalidades, promovendo a inclusão dos magistrados do TRT-7.
 
“É um aplicativo que, quando acionado, registra a ocorrência vinda de um magistrado e aciona a autoridade policial automaticamente, em qualquer parte do país, para o envio de uma equipe da maneira mais rápida possível”, explicou o diretor de segurança.
 
Assim como outros expositores que estiveram no evento da AGEPOLJUS, Klayton reafirmou a necessidade de união e empenho dos Agentes de Segurança para que ocorram conquistas para o segmento.
 
O diretor também falou sobre projetos a nível nacional que devem ser articulados através da AGEPOLJUS. Dentre eles estão a criação do Fundo Federal de Segurança dos Magistrados, criação da Academia de Formação dos Agentes de Segurança e outras.
 
ENCERRAMENTO DO 7º ENCONTRO DE GESTORES – No encerramento do 7º Encontro Nacional de Gestores, o conselheiro da AGEPOLJUS e Agente de Segurança da Justiça Federal do Ceará, Ranulfo Farias, agradeceu a presença de todos que estiveram em Fortaleza ao longo desses dias para os eventos promovidos pela AGEPOLJUS. “Espero que todos saiam daqui melhores e mais bem informados e que tenham também aproveitado Fortaleza ao longo desses dias”.
 
O presidente Roniel Andrade fez questão de enaltecer o trabalho da equipe de funcionários e colaboradores da Associação que “estão aqui há mais de 10 dias, empenhados para que os eventos fossem o sucesso que almejávamos desde o princípio”.
 
O dirigente da AGEPOLJUS também agradeceu a presença de todos os gestores e anunciou que o 8º Encontro deve ocorrer em Brasília. “A diretoria é quem delibera e já estamos trabalhando para o encontro de 2020”, explicou.
 
“Agradeço imensamente a presença dos senhores e declaro encerrado o 7º Encontro Nacional de Gestores da AGEPOLJUS”, finalizou.
 
De Fortaleza, Caroline P. Colombo





Enviar por email